Blog

Conheça as vias Gastronômicas de Florianópolis
Conheça as vias Gastronômicas de Florianópolis

Florianópolis é conhecida como a Ilha da Magia e por suas praias paradisíacas. Mas a capital catarinense também dispõe de uma rica variedade e qualidade gastronômica, com vias repletas de restaurantes, tanto na ilha quanto na parte continental!


Veja quais são elas e se prepare para verdadeiras delícias!

 

1.Santo Antônio de Lisboa (região norte)

Um dos bairros mais charmosos de Florianópolis é o Santo Antônio de Lisboa. Com suas construções históricas, casas açorianas de portas coloridas, ruas estreitas, calçadas de pedras e uma vista única para a Baía Norte (centro de Floripa), esse cantinho pitoresco é um dos mais antigos da capital catarinense. 

Esse pequeno distrito da capital tem uma das vias gastronômicas mais procuradas na ilha. São vários restaurantes e bares com deques de madeira e mesas na areia da praia. É bem normal ter a estrutura do restaurante em um lado da rua e esse espaço do outro. Mas o serviço é oferecido normalmente, como se aquilo fosse uma extensão do restaurante. 

A rota também abrange os bairros vizinhos, Cacupé e Sambaqui.

2. Lagoa da Conceição (região leste)

A Avenida das Rendeiras fica de frente para um dos cartões-postais de Floripa: a Lagoa da Conceição.



Essa via gastronômica é mais buscada para quem busca um pouco mais de agito, com bares, restaurantes e casas noturnas.



Dentre os pratos mais encontrados por aqui, estão as sequências de peixe e de camarão, onde os frutos do mar são servidos de várias formas. Na maioria das vezes, é possível encontrar sequências com preço para duas pessoas (o que deixa bem em conta!).


3. Coqueiros (continente)

São José, parte continental da capital catarinense, também conta com uma rica via gastronômica. Localizada no bairro de Coqueiros, a rota tem seus primeiros restaurantes já na saída da ponte que liga à ilha.
 


Essa via é toda diversificada! Então, se você quer opções, essa é uma boa rota, já que encontramos restaurantes de culinária local, mexicanos, peruanos, japoneses, trattorias, bistrôs e botecos. Sem contar a vista maravilhosa do mar e da baía sul de Floripa.

A rota também se estende para os bairros vizinhos: Itaguaçu, Bom Abrigo e Abraão.

 

4. Ribeirão da Ilha (região sul)

Na parte sul de Florianópolis, a especialidade é a ostra! Ribeirão da Ilha é uma antiga colônia de pescadores e o cultivo de ostras é uma das atividades da região. A arquitetura açoriana ainda está bem preservada nas casas, praças e restaurantes. Depois de Santo Antônio de Lisboa, é o bairro mais antigo da capital.

Apesar do aspecto dos séculos passados, o charme e a vista para o mar fazem dessa uma das vias mais buscadas para quem é LOUKO por ostras e frutos do mar!