Blog

Roteiro de 04 dias em Foz do Iguaçu
Roteiro de 04 dias em Foz do Iguaçu

Quatro dias são o suficiente para descansar? A resposta é SIM! Com uma programação bem planejada, um roteiro de quatro dias em Foz do Iguaçu vai garantir bons momentos em cenários incríveis! 

Foz do Iguaçu é famosa por várias razões: Cataratas do Iguaçu, Itaipu Binacional, tríplice fronteira (com Paraguai e Argentina), compras em Ciudad del Este… Isso a tornou um dos destinos mais procurados no Brasil. 


Organizando bem, dá para conhecer os principais atrativos da região em poucos dias. Assim, você sai satisfeito com os passeios mas com aquele gostinho de “quero mais”!

Confira nossas dicas sobre o que fazer em Foz do Iguaçu em quatro dias! (Também temos um roteiro para três dias que também pode ajudar a inspirar sua viagem).

O que fazer em Foz do Iguaçu em quatro dias


Primeiro dia

Manhã - Macuco Safari 

Tarde - Cataratas do Iguaçu

Noite - Jantar no Búfalo Branco

 

Que tal começar a viagem com o pé direito e com uma bela dose de aventura? O Macuco Safari é um passeio de barco no rio Iguaçu, rumo às Cataratas, com direito a um banho de cachoeira e muita emoção! 



Para chegar até aqui, precisamos embarcar em um dos ônibus da frota da Cataratas S.A, concessionária que administra o atrativo no Parque Nacional do Iguaçu, uma área de preservação tombada pela UNESCO como Patrimônio Natural da Humanidade. Por isso, não é possível entrar com veículo particular. Mas o local conta com estacionamento para você deixar o carro.

Outra opção é alugar uma bike para fazer o trajeto do CRV até a parada do Macuco Safari. O trajeto é todo feito em uma ciclovia coladinha na Mata Atlântica, onde você vai curtindo a natureza de perto. 

Chegando à base do Macuco Safari, embarcamos em um veículo elétrico para um trecho guiado em meio à Mata Atlântica, onde conhecemos curiosidades sobre a fauna e a flora locais. A parte final (cerca de 700 metros) pode ser feita caminhando, mas é opcional.

 

Ao chegar na última parada, é hora de se preparar para o banho de cachoeira! Nessa estação, há banheiros, loja (se quiser, pode comprar capas de chuva) e guarda-volumes para os pertences pessoais. Câmeras e celulares podem ser levados ao barco. Antes do banho de cachoeira, o guia recolhe e coloca em um compartimento à prova d'água. Até lá, aproveite e registre! 



A emoção começa assim que subimos no barco! Os capitães são profissionais  preparados e gostam de trazer adrenalina até o fim do passeio. Antes de chegar nas quedas, uma pausa para contemplar o lado argentino do atrativo (é aqui que entregamos os celulares e câmeras antes de seguir ao banho! Ah, e não se preocupe com o registro: um cameraman vai filmar todo esse trecho, mostrando a diversão e a delícia que é esse momento! A filmagem e fotos ficam disponíveis para compra no final do passeio).

 

Se quiser aumentar a adrenalina, é possível fazer rafting após o banho!


Ao voltar para a estação de onde o barco saiu, você pode trocar de roupa (vai estar encharcado!) e embarcar em outro ônibus, dessa vez em direção ao restaurante Porto Canoas. O local tem um deck externo de onde podemos ver o rio Iguaçu e até a margem argentina do Parque!


Depois do almoço, temos duas opções: pegar um ônibus novamente e ir até o início da Trilha das Cataratas, para fazer a caminhada e apreciar o conjunto de quedas OU sair do restaurante e ir a pé mesmo até o Espaço Tarobá, onde fica o elevador panorâmico e a passarela sobre o rio - é a parte final da trilha, caso você não queira fazer a caminhada, mas, ainda assim, apreciar essa maravilha da natureza. 

Na passarela, tomamos um outro banho, mas bem mais leve! São apenas gotículas que chegam até nós, nada de entrar embaixo de cachoeira de novo! Então, apesar de a gente se molhar, não é muito. 

 

Para a noite, nada melhor que um jantar tranquilo, não é? A Churrascaria Búfalo Branco é uma boa pedida, porque tem espeto corrido, Buffet livre de pratos quentes e frios e sobremesa. Agrada todos os gostos e com fartura!



Segunda dia

Manhã - Itaipu Panorâmica

Tarde - City Tour

Noite - Jantar no Castelo Libanês

Para o segundo dia, separe a manhã para conhecer a Itaipu Binacional, essa maravilha da engenharia. Tudo começa no Centro de Recepção de Visitantes, onde, depois de assistir a um filme sobre a usina e sua atuação em toda a região, embarcamos em um dos ônibus da frota do Complexo Turístico Itaipu e partimos para conhecer a hidrelétrica.

Temos alguns pontos de parada, como o Mirante Central e o do Vertedouro - que não está aberto sempre! Então, não estranhe se não tiver nada escorrendo pelas calhas. Isso só acontece quando há excesso de água no reservatório (o Lago de Itaipu). Mas, ainda assim, o tamanho da Itaipu é impressionante e faz a gente se sentir em um estúdio de filme futurístico de Hollywood!


Para a parte da tarde, o City Tour em Foz do Iguaçu vai complementar muitas informações e curiosidades da Itaipu e das Cataratas. Além disso, com um único transporte, você vai até outros pontos turísticos e históricos da cidade, como a Mesquita Islâmica, o Ecomuseu de Itaipu, o Templo Budista e o Chocolate Caseiro.



Entre esses pontos, passamos por locais históricos da cidade, como o antigo Hotel Cassino, a Avenida Brasil, a Igreja Católica, a Catedral Nossa Senhora de Guadalupe, o Colégio Bartolomeu Mitre e o Colégio Agrícola.

Dica importante sobre a Mesquista Islâmica

Foz do Iguaçu tem a segunda maior colônia árabe do país, por isso, a cidade tem duas mesquitas - uma xiita e a outra, sunita. Essa é a que permite visitação. Se guindo as tradições da religião, para entrar na Mesquita Omar Ibn Al-Khattab, deixamos os calçados na porta. Não é permitida a entrada com shorts, bermudas, saias ou vestidos curtos e as mulheres recebem um lenço para cobrir os cabelos.



Para a janta, na área central da cidade, encontramos o
Castelo Libanês, o restaurante árabe mais tradicional da cidade, onde você vai experimentar as delícias trazidas desta cultura: quibe cru, kafta, arroz com carneiro, arroz com lentilha, esfiha, fatouche, homus e mais. 

 
Terceiro dia

Manhã - Dreams Park Show (Museu de Cera, Maravilhas do Mundo, Dreams Icebar e Super Carros)
Tarde - Dreams Motor Show, Vale dos Dinossauros e Dino Aventura
Noite -  Jantar na Cantina Bello Piatto

O Dreams Park Show tem um conjunto de atrativos em um único complexo: Museu de Cera, Maravilhas do Mundo, Dreams Motor Show, Dreams Icebar e Super Carros!  Os ingressos são vendidos separadamente, mas vale a pena conferir os combos! Além do preço, a praticidade é um ponto chave aqui. 



O tempo em cada atrativo é livre (menos do Icebar, que tem um limite estipulado, já que estamos falando de temperaturas negativas!), então você pode curtir com autonomia total! E pode aproveitar para almoçar no próprio local, no restaurante do Motor Show, que lembra uma lanchonete americana típica dos anos 50!

Na parte da tarde, aproveitando que já estamos no complexo Dreams, vamos a uma viagem ao passado! O Vale dos Dinossauros reúne 20 estátuas dos répteis gigantes em um cenário pré-histórico! Ah, e as réplicas tem movimento e emitem até sons! O destaque é o grande (e temido) Tiranossauro Rex, ou T-Rex, com 12 metros de altura.


Esse passeio garante diversão para toda a família: para as crianças, a aventura com os dinossauros. Para os adultos, pitadas de saudosismo com referências a clássicos como Flintstones e Jurassic Park. A trilha é a céu aberto e leve, podendo ser feita por pessoas com mobilidade reduzida. O ritmo da caminhada é seu mas, em média, são uns 40 minutos até a conclusão do trajeto.

Acima do Vale, temos um outro passeio super bacana: o Dino Aventura, um circuito de arvorismo! O trajeto de pontes no topo das árvores começa em uma altura de 12 metros e dura cerca de 30 minutos. Uma tirolesa de 95 metros de comprimento e 15 metros de altura encerra o circuito com adrenalina! 

O atrativo é super seguro e segue todas as normas de segurança. Para participar, é necessário: usar sapatos fechados (de preferência, tênis); ter, no mínimo, 1,20m de altura e pesar, no máximo, 95kg. Partiu?

Para o jantar, depois de um dia cheio, que tal um delicioso jantar italiano na Cantina Bello Piatto? O restaurante já começa a nos conquistar com as entradas servidas à mesa: polenta frita, picanha ao alho e óleo, frango a passarinho, risoto de frango, salada, maionese e mais - tudo com muito sabor! E, conforme forem acabando, esses pratos são automaticamente repostos. Mas o destaque, é claro, vai para os espaguetes, lasanhas, nhoque, canelones, raviólis, torteis e diversas outras massas caseiras e leves servidas em esquema de rodízio.


 

Quarto dia

Manhã - Compras Paraguai

Noite - Rafain Churrascaria + Show Latinoamericano

 

O quarto e último dia vai ser para compras - não podia faltar, né! Prepare os documentos para atravessar a fronteira e #PartiuParaguay

 

- Documentos aceitos para cruzar a fronteira do Paraguai e/ou Argentina

- RG, Passaporte ou CNH

- Menores de idade não podem atravessar desacompanhados, a menos que tenham autorização assinada e registrada em cartório por pai e mãe
- Carteiras e registros profissionais não são aceitos
- A cédula de identidade deve estar com o máximo de 10 anos de expedição

 

O indicado é sair cedo! As lojas abrem por volta das 8h (verifique se o horário está igual! Paraguai tem horário de verão) e fecham às 16h, a não ser os grandes shoppings, como Paris e Del Este. 


 

Apesar de os preços serem expostos como Dólar, as lojas aceitam o Real. Mas pergunte sempre a cotação, porque pode variar de uma loja para outra! Na dúvida, troque o dinheiro ainda no Brasil e já vá com a moeda americana para as compras. 

 

Para almoço, dá pra ir até o Shopping Americana, onde você vai encontrar uma praça de alimentação com restaurante com sistema de buffet, cafeteria e opção de Prato do Dia. 

 

Depois de um dia de compras e para encerrar a viagem, uma noite de show na Churrascaria Rafain, onde podemos assistir ao Show Latinoamericano. Durante o jantar - com uma variedade imensa de comida - apresentações de dança e música de oito países da América Latina tornam o encerramento ideal para seus dias em Foz do Iguaçu não serem esquecidos jamais!

 

Importante: Cota de Compras no Exterior

 

As compras acima da cota de U$300 precisam ser declaradas na aduana da Receita Federal na cabeceira da Ponte da Amizade. Esse valor é individual e não pode ser transferido. Ou seja: se você comprou um total de U$400 e seu amigo, U$200, não pode passar os U$100 excedentes para ele. Você precisa declarar e pagar os impostos desse valor. 

 

Posso declarar no Aeroporto?

Não, porque a aduana terrestre foi, digamos, a sua primeira oportunidade para declaração. Se você comprar um celular de U$600 e não declarar na volta ao Brasil, você corre o risco de perder o aparelho na hora de embarcar. Melhor não correr o risco, né?

 

Para não restar dúvidas, confira todas as regras de declaração no site da Receita Federal. 


tire suas dúvidas nos comentários abaixo.